Acessibilidade       A+  A-          Botão libras  Botão Voz          
O que você procura?
Terça, 06 de Outubro de 2020.

Conselho Federal e Regionais realizam a Plenária Nacional Virtual
Reunião define principais ações para o triênio 2020-2023 e próximos eventos

Vídeo apresentado pelo CFESS no evento
 

Terminou neste domingo (4) a Plenária Nacional CFESS-CRESS, que teve início na sexta-feira (2) e foi realizada de forma virtual, devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), conforme regulamentado com os eventos do Conjunto CFESS-CRESS por meio da Resolução CFESS 949/2020. O evento contou com representação do Conselho Federal, dos Conselhos Regionais, da Abepss, da Enesso, de trabalhadoras/es do Conjunto CFESS-CRESS e também de assistentes sociais da base convidadas/os das regiões, totalizando cerca de 300 participantes.

 

A primeira atividade foi o debate virtual com o tema “Tic: novas tecnologias de comunicação e informação para a velha exploração do trabalho”. A mesa trouxe como convidadas a assistente social e professora da Universidade Federal Fluminense (UFF/Rio das Ostras), Cristina Brites, e a assistente social e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Ivanete Boschetti. O debate foi mediado pela presidenta do CFESS, Beth Borges, e está disponível na íntegra no canal do CFESS do YouTube (clique aqui para acessar).

 

 A tarde de sexta-feira teve início com a mesa “Perspectiva política do planejamento do Conjunto CFESS-CRESS e a metodologia da Plenária 2020”, com o assistente social e professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Jefferson Lee e com a conselheira do CFESS Lylia Rojas, que integrou a Comissão Organizadora da Plenária Nacional. A ideia foi tratar das defesas ético-políticas do Serviço Social brasileiro, para embasar os debates das propostas de ação do triênio 2020-2023, bem como as regras que nortearam a organização do evento virtual.

 

Em seguida, e durante todo o dia de sábado, ocorreram os debates dos eixos temáticos (orientação e fiscalização profissional, administrativo-financeiro, ética e direitos humanos, comunicação, seguridade social, formação profissional e relações internacionais).

 

Imagem da reunião virtual mostra as janelas com participantes da plenária com as câmeras ligadas.Evento ocorreu por meio virtual 

 

“O debate nos eixos foi fundamental, pois possibilitou aprofundar os temas encaminhados nos encontros descentralizados. Em cada eixo, apresentamos uma síntese sobre os resultados da consulta pública realizada pelo Conjunto e sobre os desafios do próximo período, frente à atual desconfiguração das políticas públicas e dos direitos e liberdades democráticas”, avalia a conselheira Lylia Rojas.

 

Ela acrescenta ainda que a consulta pública possibilitou ampliar os debates descentralizados, de forma prévia, entre todas as regiões. E que, em tempos de distanciamento físico, permitiu ampliar a participação, para além das/os presentes na plenária. “Acredito que, mesmo com as limitações de um evento realizado em ambiente virtual, caminhamos na construção de uma agenda comum de ações, que materializa nosso compromisso com a defesa da profissão e de nossos princípios éticos, diante dos desafios do tempo presente, que se conecta com demandas da categoria e realidades dos CRESS", concluiu Rojas.

 

Eventos presenciais em 2021


O último dia da Plenária Nacional iniciou com a leitura e aprovação das propostas dos eixos, seguidas pela definição dos locais e eventos que ocorrerão em 2021 e 2022, na expectativa de que possam ocorrer de forma presencial, caso haja controle da pandemia da Covid-19. Dentre estes, estão previstos: 6º Encontro Nacional de Serviço Social e Seguridade Social (região nordeste em 2022, sediado pelo CRESS-CE); Seminário Nacional Serviço Social e os Direitos da Infância (região sul em 2021, sediado pelo CRESS-PR); Seminário Nacional de Comunicação (região nordeste em 2022, sediado pelo CRESS-AL).

 

Imagem mostra desenho de várias pessoas representando assistentes sociais, negros e negras, cadeirantes etc. segurando balões de diálogo em volta de um computador.

Arte: Rafael Werkema/CFESS
 

A presidente do CFESS, Elizabeth Borges, no encerramento do evento, fez um balanço geral das atividades. “A crise pandêmica escancara as desigualdades sociais e fortalece a necessidade do uso das tecnologias de informação e comunicação. Isso revela a disparidade de acesso a direitos e a esses mecanismos na sociedade brasileira e também na profissão de assistente social. No entanto, conseguimos construir coletivamente um planejamento de ações em defesa do trabalho profissional, dos direitos humanos e da seguridade social ampliada”, explicou a conselheira.

 

Ao final, também ocorreu a leitura da Carta da Plenária Virtual, conforme tradicionalmente é feito em cada Encontro Nacional CFESS-CRESS, com a síntese política da conjuntura do momento e a direção das ações deliberadas coletivamente pelo Conjunto (clique aqui para ler o documento).
 

Acesse aqui o relatório completo da Plenária Nacional

 

Conselho Federal de Serviço Social - CFESS

Gestão Melhor ir à luta com raça e classe em defesa do Serviço Social - 2020/2023
Comissão de Comunicação
Diogo Adjuto - JP/DF 7823
Assessoria de Comunicação
comunicacao@cfess.org.br