Quarta, 10 de Julho de 2013.
Quinta-feira é dia de mobilização e luta!
Em defesa da classe trabalhadora, centrais sindicais e movimentos sociais preparam para amanhã (11/7) mobilizações em todo país . Participe!
Carregando...

Foto de assistentes sociais e estudantes durante a Marcha Unificada, em abril deste anoAssistentes sociais e estudantes de serviço social participaram da Marcha Unificada em Brasília (DF), que reuniu mais 20 mil pessoas (foto: Rafael Werkema)

 

O serviço social está na luta sempre. Basta fazer um breve resgate histórico no site do CFESS para comprovar a participação de assistentes sociais em inúmeras mobilizações e marchas pelo país. Por isso, nesta quinta-feira, 11 de julho, é dia de ir para as ruas novamente.

 

A data foi definida pelas centrais sindicais como um dia de greves, paralisações e manifestações de rua, para cobrar de governantes o atendimento das reivindicações vitais para a classe trabalhadora: melhoria da qualidade dos transportes coletivos; mais investimentos na saúde e educação públicas; redução da jornada de trabalho; fim do fator previdenciário e aumento das aposentadorias; fim dos leilões das reservas de petróleo; reforma agrária.

 

O momento para a paralisação geral é propício: o Brasil ainda vivencia inúmeras manifestações de rua, organizadas pelo povo brasileiro, que começaram há pouco mais de um mês pela redução do transporte público em São Paulo, mas que tomaram proporções maiores e se espalharam pelo país e mundo afora.

 

“As bandeiras do Dia Nacional de Luta simbolizam a luta da classe trabalhadora por condições dignas de trabalho e de vida para a população brasileira e estão em consonância com o Projeto Ético-político da nossa profissão”, destaca a presidente do CFESS, Sâmya Ramos. "Por isso, assistentes sociais de todo o país devem participar dessa mobilização nacional, como já o vem fazendo", completa.

 

As centrais sindicais estão orientando as entidades e as pessoas interessadas em aderir à paralisação que levem também outros pontos de pauta. No serviço social, o CFESS Manifesta do Dia do/a Assistente Social 2013 apontou algumas bandeiras de luta, como a implementação da Lei das 30 horas, aprovação do Projeto de Lei que institui piso salarial para a categoria, melhores condições éticas e técnicas do exercício profissional, realização de concursos públicos para assistentes sociais em diferentes áreas, entre outras.

 

Portanto, verifique com o CRESS de sua região, movimentos sociais e centrais sindicais quais são as atividades programadas para amanhã em sua cidade e participe!

 

Conselho Federal de Serviço Social - CFESS
Gestão Tempo de Luta e Resistência – 2011/2014
Comissão de Comunicação
Rafael Werkema - JP/MG 11732
Assessoria de Comunicação

comunicacao@cfess.org.br 

Quem somos
Autarquia pública federal que tem a atribuição de orientar, disciplinar, normatizar, fiscalizar e defender o exercício profissional do/a assistente social no Brasil, em conjunto com os Conselhos Regionais de Serviço Social (Cress).
Cadastre-se
E receba por e-mail nosso CFESS Informa, informativo eletrônico com as principais notícias sobre o Serviço Social brasileiro
Conecte-se
O CFESS também esta nas redes sociais
Endereço
Conselho Federal de Serviço Social - CFESS
SCS Quadra 2 Bloco C Ed. Serra Dourada - Salas 312/318
CEP: 70300-902 - Brasília - DF
Tel: (61) 3223-1652
Tel: (61) 3223-2420
Funcionamento: de segunda a sexta de 12h às 18h. Dúvidas e sugestões pelo Fale Conosco.