Acessibilidade       A+  A-          Botão libras  Botão Voz          
O que você procura?
Terça, 13 de Dezembro de 2022.

A luta pelo direito à cidade é assunto para assistente social
CFESS participa de encontro do Fórum Nacional da Reforma Urbana

Imagem mostra as representantes do CFESS no FNRU sentadas à mesa da coordenação, juntamente com a presidenta do CRESS-MT.

CFESS e CRESS-MT marcaram presença na reunião do fórum (fotos: CFESS/colaboração)

 

O CFESS integra atualmente o Fórum Nacional da Reforma Urbana (FNRU), do qual participa juntamente com outras entidades e organizações em defesa do Direito à Cidade. Nos dias 9 e 10 de dezembro, a coordenação do FNRU se reuniu para avaliar as ações desenvolvidas em 2022, além de planejar as atividades para 2023. O Conselho Federal participou, representado pela conselheira Mauricleia Soares e pela assistente social e professora da Unifesp Tânia Diniz, representantes do CFESS no fórum. A presidente do CRESS-MT, Larissa Gentil, também marcou presença na reunião, que ocorreu em Recife (PE).  
 

A conselheira Mauricleia Soares explica que a defesa do direito à cidade direcionou as reflexões, que ressaltaram a importância da autonomia e independência de classe em relação ao novo governo do Brasil. “Subsídios ao debate vieram dos informes sobre o processo de transição, com vistas à pauta urbana, sendo destacado nas falas que a vitória de Lula no processo eleitoral é uma vitória do campo democrático brasileiro, o que não significa que a ultradireita, e o bolsonarismo que a representa, tenha sido derrotada. Em outras palavras, a luta pela reforma urbana tem que continuar e o FNRU tem um papel significativo na direção desse processo”, explica a conselheira do CFESS. 

 

Imagem mostra integrantes do FNRU em reunião ao redor de mesa em formato de U dentro de uma sala.Coordenação do FNRU se reuniu durante dois dias (foto: CFESS/colaboração)
 

Os debates, inclusive sobre o planejamento de ações para 2023, ocorreram por meio de diversos temas: a importância da articulação de alianças políticas pelo direito à cidade; o debate sobre gênero e raça como dimensões fundamentais no acesso à moradia e à cidade; os conflitos urbanos como despejos e remoções forçadas e as formas de enfrentamento e estratégias de luta; a realização de missões, uma estratégia política e metodológica com caráter de denúncia e visibilidade em situações de violação de direitos humanos e despejos; as articulações internacionais; as ações de formação política e a elaboração do Dossiê de Políticas Urbanas, em processo de finalização, que deverá evidenciar a profundidade do desmonte do Estado no campo da política urbana. 
 

Para a presidenta do CRESS-MT, Larissa Gentil, é de extrema relevância a presença do Serviço Social no fórum.  “Este espaço possibilita a aproximação com diversos movimentos sociais, organizações e entidades que, assim como o Conjunto CFESS-CRESS, defendem o direito à cidade, sendo, portanto, um espaço de articulação e fortalecimento da luta pela reforma urbana, pauta essencial para o Serviço Social brasileiro”, conclui a conselheira. 
 

Clique aqui e reveja a edição especial do informativo ‘CFESS Manifesta’ elaborada para a Conferência Popular pelo Direito à Cidade

 

Conselho Federal de Serviço Social - CFESS

Gestão Melhor ir à luta com raça e classe em defesa do Serviço Social - 2020/2023
Comissão de Comunicação

Diogo Adjuto - JP/DF 7823
Assessoria de Comunicação

comunicacao@cfess.org.br