Acessibilidade       A+  A-          Botão Libras  Botão Voz          
O que você procura?
Sexta, 18 de Setembro de 2015.

CFESS toma posse para nova gestão do Conselho Nacional LGBT
Atuação reafirma defesa intransigente dos direitos humanos para todas as pessoas

Imagem da posse do CNCD/LGBTEntidades tomaram posse nesta semana, em Brasília (foto: CFESS) 

 

Na última quinta-feira (17/9), o CFESS tomou posse para a gestão 2015-2017 do Conselho Nacional  de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de LGBT (CNCD/LGBT), para o qual foi eleito em julho deste ano. (clique aqui para relembrar)

 

As atuais representantes titular e suplente do CFESS no CNCD são, respectivamente, as assistentes sociais Marylucia Mesquita e Liliane de Oliveira Caetano. Durante a cerimônia, as outras entidades eleitas para a nova gestão foram empossadas também, pelo ministro da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), Pepe Vargas.

 

A coordenadora da Comissão de Ética e Direitos Humanos do CFESS, Tania Diniz, explica o porquê da inserção do Conselho Federal nesse espaço, o que se efetiva em consonância com o Código de Ética do/a Assistente Social, que define, em um de seus princípios: “exercer o serviço social sem sofrer discriminação e nem discriminar por questões de inserção de classe social, gênero, etnia, religião, nacionalidade, orientação sexual, identidade de gênero, idade e condição física”.

 

“Este é um dos princípios que balizam o trabalho de assistentes sociais no Brasil na defesa dos direitos humanos. O Conjunto CFESS-CRESS vem, historicamente, promovendo ações políticas para dar visibilidade às demandas e necessidades da população LGBT e, consequentemente, para qualificar o trabalho da categoria com este público”, afirma a conselheira do CFESS. 

 

Ao todo, 15 entidades da sociedade civil foram eleitas para o colegiado do CNCD/LGBT, juntamente com o CFESS, e terão mandato até 2017, juntamente com outros 15 integrantes, que representam o Governo Federal. As entidades são: ABGLT, ABL, ANTRA, ARTGAY, ARTGAY JOVEM, FONAJUNE, LBL, REDE AFRO LGBT, REDE TRANS BRASIL, ABEH, CMP, CNTE, CUT NACIONAL, CFESS e OAB.

 

Um dos grandes desafios do novo colegiado é a realização da 3ª Conferência Nacional LGBT, prevista para 25 a 27 de abril de 2016, em Brasília (DF). Além disso, acrescenta a conselheira do CFESS Tânia Diniz, um outro desafio hoje nos espaços dos conselhos de políticas "é também a tensão entre a defesa dos direitos e o enfrentamento de demandas governamentais com interesses particulares". 

 

Leia também:

 

Serviço Social na luta pelos direitos da população LGBT

 

Conselho Federal de Serviço Social - CFESS

Gestão Tecendo na luta a manhã desejada - 2014/2017
Comissão de Comunicação
Diogo Adjuto - JP/DF 7823
Assessoria de Comunicação
comunicacao@cfess.org.br