Acessibilidade      A+  A-      Botão Contrate    Botão libras  Botão Voz

NOSSO LUTO,

NOSSA LUTA!

Memorial dedicado à vida de cada assistente social vítima do coronavírus

O Conjunto CFESS-CRESS (Conselho Federal e Conselhos Regionais de Serviço Social) e a Abepss (Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social) registram, com pesar e consternação, o falecimento de assistentes sociais, várias/os em decorrência do exercício profissional, no contexto de pandemia e combate ao novo Coronavírus (Covid-19) no Brasil.

Muitas/os são profissionais que, atuando na linha de frente, cumprindo seu dever profissional nas diferentes regiões do país, tiveram suas vidas ceifadas; a maioria mulheres, trabalhando sem condições de trabalho, algumas/alguns dedicadas/os a estudos e pesquisas de pós-graduação.

Com muito compromisso, realizaram seu trabalho cotidiano com engajamento ético-político. O legado dessas colegas se inscreve na construção e consolidação da direção social da profissão e merece nosso reconhecimento e respeito.

Exercendo um trabalho muitas vezes anônimo, invisível para o capital, mas reconhecido e necessário para a população usuária, estas mortes gritam e denunciam a omissão do Estado brasileiro quanto à falta de recursos das instituições, de equipamentos de proteção individual (EPIs), extenuantes jornadas de trabalho, com equipes reduzidas, muitas vezes submetidos/as ao assédio moral.

Por essas memórias e por nossas vidas, seguiremos fazendo a defesa de condições éticas e técnicas de trabalho, denunciando a violação de direitos no exercício profissional e a falta de garantias de sobrevivência de toda a classe trabalhadora.

Como entidades representativas da profissão, manifestamos nossa solidariedade às famílias e amigas/os, reconhecendo que o trabalho desenvolvido deixa sua marca para a sociedade e para o Serviço Social brasileiro.

Manifestamos também nossa solidariedade política à Executiva Nacional de Estudantes de Serviço Social (Enesso) e nosso pesar pela perda de estudantes de Serviço Social, cuja formação e compromisso com uma educação pública, de qualidade, crítica, laica tanto nos desafia e nos encoraja a seguir na luta por este horizonte.

Este é o sentido deste memorial. Para homenagear cada assistente social vítima do descaso do Estado brasileiro. Que este seja um espaço de luto e de luta. De memória e resistência.

Seguimos fazendo a defesa de condições éticas e técnicas de trabalho, denunciando a violação de direitos no exercício profissional e a falta de garantias de sobrevivência de toda a classe trabalhadora.

Nosso luto é nossa luta!

Nenhuma vida a menos!

(...) O tempo escorre pela ampulheta.
É ele o contador da história que construímos.
O tempo que cura saudades,
que em mais-valia capitalista
explora cada trabalhador/a na sua labuta.
O tempo é também contradição,
que prepara a luta, tece a resistência (...)
(Andréa Lima)


 

Adila Marlene Faria
Assistente social de Cachoeira Paulista (SP). Atuou junto ao Conselho Tutelar, ao Conselho de Segurança e ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e na Secretaria de Assistência Social do município.

Alcinda Oliveira
Assistente Social do Rio de Janeiro (RJ). Foi professora da Escola de Serviço Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Coordenou a comissão que fez a mudança do currículo da graduação em 1993, implantou o curso noturno na Escola de Serviço Social da UFRJ. 

Aldévila Silva Campineiro
Assistente social de Belém (PA)

Alexandra Rodrigues de Figueiredo
Assistente social de João Pessoa (PB). Trabalhava na área da saúde, no Hospital São Lourenço. 

Alice Reiko Miwa
Assistente Social de Manaus (AM). Trabalhava na Maternidade Moura Tapajóz e no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio.

Ana Maria da Rocha Gonçalves Dias
Assistente Social de Valparaíso (GO). Trabalhava na Política de Assistência Social, na execução do Programa Bolsa Família. 

Carlos César Ferreira de Souza
Assistente Social de Rio Branco (AC). Cesinha, como era conhecido, atuava no serviço de atendimento da população em situação de rua (Centro POP). 

Carmosina da Costa Ribeiro
Assistente Social de Cuiabá (MT). Estava aposentada da Secretaria de Estado de Saúde e trabalhou como assistente social no Centro de Reabilitação do Estado de Mato Grosso.

Cassiana Santos Madeira
Assistente Social de Oriximiná (PA)

Cida Sarinho
Assistente Social de João Pessoa (PB). Atuava na Secretaria de Desenvolvimento Humano (SEDH/PB).

Cleiber Silva Alves
Assistente Social de Cáceres (MT). Trabalhava na área da saúde e foi liderança reconhecida no Movimento de Promoção da Igualdade Racial.  

Cristian Prates Wagner Revert
Assistente social em Montes Claros (MG). Era coordenador do CRAS JK/Village. 

Cristina Menegheti
Assistente Social de Campo Grande (MS). Trabalhava na Fundação Social do Trabalho de Campo Grande (Funsat).

Débora Cristina Bandeira Rodrigues
Assistente social de Manaus (AM). Era professora da graduação em Serviço Social e do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Sustentabilidade da Amazônia, da Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Integrou a gestão da Abepss (2013-2014).

Deisemar de Freitas Barbosa Bastos
Assistente social do Rio de Janeiro (RJ). Foi sub-secretária de Assistência Social de Quimados (RJ).

Denise Teixeira da Rocha
Assistente social do Rio de Janeiro (RJ). Foi diretora do Cras Nelson Mandela.

Dilma Evangelista
Assistente Social de Manaus (AM). Trabalhava na Hapvida pelo Hospital Rio Negro.

Discélia Dias Silva
Barra do Garças (MT). Atuava na Política de Assistência Social.

Dora Machado
Assistente social de João Pessoa (PB). Trabalhava na Coordenadoria de Atendimento à Pessoa com Deficiência Física, na Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad).

Doroti Regina Guaita
Assistente social de Curitiba (PR). Trabalhava no Programa de Atendimento Domiciliar da Prefeitura de Curitiba, com base na Upa Cajuru.

Edilvane Ferreira de Jesus
Assistente social de Cuiabá (MT). Trabalhou no Juizado da Infância e Juventude de Cuiabá e atuava no Centro Municipal Educacional Infantil (CMEI) José de Mendonça em Várzea Grande

Edinamar Mendes de Oliveira
Assistente social da prefeitura de Ituiutaba (MG).

Elazir Saraiva Barros
Assistente Social de Manaus (AM). Trabalhou na Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa) e na Secretaria Municipal de Educacão (Semed). Foi supervisora de campo. Era servidora aposentada do Instituto Federal do Amazonas (Ifam) e da Secretaria de Estado de Assistência Social (SEAS). 

Eliane Cristina Zigler de Oliveira Andrade
Assistente Social de Juiz de Fora (MG). Era supervisora do Centro de Referência de Assistência Social (Cras).

Eliane de Paula Lima
Assistente Social de Guaratinguetá (SP). Trabalhava há 20 anos no Potim/SP. 

 

Elisângela Silva da Conceição
Assistente Social de Açailândia (MA). Atuou no Conselho Municipal da Mulher.

Elza Regina Della Bianca
Assistente Social de Vila Velha (ES). Trabalhou no Cras de Jardim Colorado, em Vilha Velha.

Fernanda Maria Bondioli
Assistente Social de Pindamonhangaba (SP). Atuou por 35 anos no município de Pindamonhangaba e finalizou sua carreira como diretora na Secretaria de Assistência Social.

Francisca Alves Muniz
Assistente Social de Macapá (AP).

Francisca Romana Souza Chaves
Assistente Social de Palmas (TO). Atuou na Secretaria Municipal de Saúde.

Gabriela Santos Silva
Assistente social do Rio de Janeiro (RJ). Atuou na Secretaria de Estado de
Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

Horrana Campos erreira Louzada
Assistente social de Itaboraí (RJ). Atuou no Hospital Municipal Desembargador Leal Júnior.

Iêda Ludovina Castro
Assistente social de Belém (PA). Atuou Fundação Papa João 23. Militante e defensora dos
direitos humanos.

Ieda Misael da Silva Machado
Assistente social da Barra de São Francisco (ES). Atuou na Secretaria Municipal de Assistência Social de Águia Branca (ES).

Iná Corrêa de Meireles
Assistente social de Ipatinga (MG). Servidora pública, integrava a equipe de Serviço Social do Hospital Municipal Eliane Martins (HMEM).

Inês Soethe Marcos
Assistente social de Belém (PA) 

Iranildes Gonzaga Caldas
Assistente Social de Manaus (AM). Dedicou a carreira às trabalhadoras/es, ao sindicalismo e à educação. 

Isabel Romano Bertolassi
Assistente social de São Paulo (SP). Atuou da Fundação Casa em Guarujá.

Ivonil Soares de Campos
Assistente social de Cuiabá (MT). Servidora pública, atuou no Sistema Socioeducativo.

Iza Castro
Assistente Social de Maceió (AL). Foi diretora do Hospital Memorial Djacy Barbosa.

Janete Soares
Assistente Social de Nova Monte Verde (MT). Trabalhava no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do município e também integrava o Nucress do Portal da Amazônia - Alta Floresta (MT). 

Joana Aparecida de Moura Garcia
Assistente Social de Ituiutaba (MG). Trabalhava no Presídio de Ituiutaba.

José Pedro de Lima Filho
Assistente Social de Recife (PE). Atuava como auxiliar administrativo no Centro POP Neuza Gomes, em Recife, tendo atuado também em outros espaços do Sistema Único de Assistência Social (Suas). 

Josiane Aparecida Herbele
Assistente Social de Sinop (MT). Atuava no Centro de Acolhimento, Orientação e Proteção ao Adolescente - CAOPA no município. 

Josué dos Santos
Assistente Social de Carapicuíba (SP). Era trabalhador do CRAS IV Santa Brígida no município de Carapicuíba e liderança sindical.

Joyce Rodrigues
Bacharel em Serviço Social de João Pessoa (PB).

Juliana Cirqueira Soares da Silva
Bacharel em Serviço Social de Francisco Morato (SP). Feminista e militante da pauta negra, era reconhecida por sua luta pelos direitos das mulheres mães. 

Kátia Maria Gonçalves de Oliveira 
Assistente Social do Rio de Janeiro (RJ). Trabalhou no Hospital Federal do Andaraí e na Secretaria Estaduald e Administração Penintenciária do Rio de Janeiro. 

Kely Cristina Moura de Oliveira Fernandes
Assistente Social de Barra do Garças (MT). Trabalhava na Casa de Passagem do município.

Laudiceia Pinto de Carvalho
Assistente Social de São Paulo (SP). Trabalhava no Serviço de Acolhimento Institucional do bairro de Pirituba. 

Leila Maria Vieira Bugalho
Assistente Social do Rio de Janeiro (RJ). Trabalhou no serviço público (Institutos de Pensão/INPS) e foi professora na PUC-Rio e UFRJ.

Lidiane Feitosa
Assistente Social do Recife (PE). Defensora dos direitos e da cidadania, era voluntária no Instituto Maria da Penha.

Lourdinha Gomes 
Assistente Social de João Pessoa (PB). Atuava no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST).

Lúcia Braga 
Assistente Social de João Pessoa (PB). Foi a primeira mulher deputada federal do estado e
atuou na assistência social. 

Lúcia Porfírio de Andrade da Silva
Assistente Social de Bonito (MS). Trabalhou no Centro de Referência Especializada de Assistência Social de Bonito. 

Luciana dos Reis Mendes
Assistente Social de Brasília (DF). Trabalhava na Unesco. 

Lucirene Alves Leite
Assistente Social de São Leopoldo (RS). Trabalhou no Suas do município de São Leopolodo e ocupou também a presidência do Conselho Municipal de Assistência Social do município. 

Luis Fernando Azevedo do Espírito Santo
Assistente Social de Cidade de Goiás (GO). Foi representante do CRESS-GO/Nucress Rio Vermelho no Conselho Municipal de Saúde da Cidade de Goiás, entre 2019 e 2021.

Luzalene Francisca de Araújo
Assistente Social de Bom Jardim de Goiás (GO). Trabalhou como assistente social no município e também integrou o Conselho Tutelar da cidade. 

Maize Sales de Moraes
Assistente Social de Cuiabá (MT). Atuou no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do município de Jangada e na Associação Matogrossense dos Transportes Urbanos, em Cuiabá.

Márcia Helena de Souza Silva
Assistente Social de São Paulo (SP). Atuou no CRT/Aids.

Márcia Pereira Moscardini
Assistente Social de Uberlândia (MG). Foi conselheira da Seccional de Uberlândia, do CRESS-MG, na gestão 2005-2008.

Marcilane Miranda Paiva
Assistente Social de Manaus (AM). Trabalhou no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) São José e no Programa Pró-Jovem.

Marcos Fernandes Aquino
Assistente Social de Brasília (DF). Trabalhou na Gerência de Atendimento em Meio Aberto - GEAMA Ceilândia Sul e no Sistema Socioeducativo do DF.

 

(...) Saudades dos que ficaram na história
Dos que se ergueram diante do último tiro
Pelos que derramaram quimeras vermelhas
É tempo de recontar, de se armar, de conhecer
E se preparar para entrar na história das emancipações (...).
(Daniela Castilho)

 

Maria Aparecida Pereira
Assistente Social de João Pessoa (PB). Atuava na política de defesa da criança e adolescente. 

Maria Cecília Coêlho Ligth
Assistente Social de Recife (PE). Foi professora de Serviço Social da UFPE e diretora Adufepe.

Maria Cristina Galvão Pinheiro
Assistente Social de Manaus (AM). Foi agente fiscal do CRESS-AM e trabalhou na área da Saúde e no extinto BEA (Banco do Estado do Amazonas).

Maria das Dores Castilho Santos
Assistente Social de Manaus (AM). Atuava na Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa), no Distrito de Saúde Sul.

Maria das Graças Resplandes de Oliveira
Assistente Social de Goiânia (GO). Aposentada. Atuou na área da saúde, no Hospital Materno Infatil (HMI).

Maria do Perpetuo Socorro Lima
Assistente Social de Manaus (AM). Trabalhava no Centro Educacional Colombo Ladislau.

Maria do Socorro Freire
Assistente Social de Natal (RN). Foi professora de Serviço Social da UFRN.

Maria do Socorro Gatinho Ribeiro
Assistente Social de Macapá (AP). Foi presidente do CRESS-AP, docente do curso de Serviço Social e servidora pública. 

Maria Elizângela Campos Matos
Assistente Social de Imperatriz (MA). Trabalhava no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS III).

Maria Luiza da Rocha Gomes
Assistente Social de Goiânia (GO). Servidora pública federal aposentada, atuou no Ministério da Saúde.

Maria Nilce Ferreira da Silva
Assistente Social de Manaus (AM). Assistente social aposentada pela Funasa, foi presidenta do CRESS-AM (2014-2017).

Marisa Fontes Rodrigues
Assistente Social de São Paulo (SP). Atuou na área da saúde em Santos.

Marlene Eduardo dos Santos
Assistente Social de João Pessoa (PB). Atuou no Hospital Universitário Lauro Wanderley, da Universidade Federal da Paraíba (HU/UFPB).

Marly Eugênia Diniz Lemos
Assistente Social de São Luís (MA). Ex-conselheira do CRESS-MA, servidora pública, atuou na política de Assistência Social.

Micheline Barros de Aquino Bezerra
Bacharel em Serviço Social de João Pessoa (PB).

Miria Campos Lavor
Assistente Social de Fortaleza (CE). Atuou na saúde pública do estado.

Mírian Peres de Moura
Assistente Social do Rio de Janeiro (RJ). Atuou no Núcleo de Estudos da Saúde do
Adolescente (NESA) HUPE/UERJ e doutoranda do Programa de Pós-Graduação da UFRJ. 

Mônica Letícia dos Santos
Assistente Social de Itapira (SP). Trabalhava na prefeitura de Jacutinga (MG) e na Associação Pétalas de Rosa de Itapira.

Mylena Cristina Azevedo de Souza Alcântara
Bacharel em Serviço Social em Manaus (AM). Era mestranda em Serviço Social e Sustentabilidade da Amazônia na Universidade Federal do Amazonas.

Nayara Silva dos Santos
Assistente social de Vitória (ES), formada pela Universidade Federal do Espírito Santo. 

Nilse Pereira Arantes
Assistente social de Piumhi (MG). Atuou na Política de Assistência Social do município (Cras, Creas, Acolhimento Institucional - Lar São Francisco de Assis) e trabalhava no Projeto Abrindo Caminhos.

Odália Lima Borges
Assistente Social em Belém (PA). Atuou no CRAS Outeiro e foi conselheira do CRESS-PA na
gestão 2014-2017.

Ozelângela Castro de Souza Lima
Assistente Social de Matões (MA). Atuou na Secretaria de Saúde do Município.

Quezia Leite Batista
Assistente Social de João Pessoa (PB). Atuou na Secretaria de Estado da Saúde.

Raimunda Gracinete Assunção Espíndola
Assistente Social de Macapá (AP)

Raimunda Pinheiro Coe
Assistente Social de Fortaleza (CE). Trabalhou no Hospital Distrital de Parangaba e na
Secretaria Municipal de Habitação de Fortaleza. 

Raimundo dos Santos Moura
Assistente Social de Lajeado (TO). Trabalhou nas Secretarias Municipais de Saúde e Assistência Social.

Raquel Moraes
Assistente Social de Rio Branco (AC). Trabalhou no Instituto de Medidas Socioeducativas de Rio Branco.

Rejane Maria Moura Albuquerque
Assistente Social de Recife (PE). Trabalhou na área da Saúde, como coordenadora do Serviço Social do Hospital Otávio de Feritas, de Pernambuco

Ricardo Fernando Grigório
Assistente Social de Belo Horizonte (MG). Era Analista de Políticas Públicas da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte/Suas. 

 

Robson Teixeira Cordeiro
Assistente Social de Tanguá (RJ).

Ronald Lima Pamplona
Assistente Social de Belém (PA)

Rosângela Camargo Nascimento
Assistente Social de Cuiabá (MT). Atuou na Política de Assistência Social. Foi servidora do estado por mais de 20 anos.

Sílvia Antônia Nery dos Santos
Assistente Social de Goiânia (GO). Trabalhava no atendimento de crianças e adolescentes vítimas de abandono, maus-tratos e violência em geral, por meio da secretaria de Assistência Social do município. 

Silvia Lilian de Paula Reis
Assistente Social de Guaratinguetá (SP). Trabalhava no Cadastro Único do município.

Simone Maciel de Alencar
Assistente Social de Guarantã do Norte (MT). 

Simone Marques Soares
Assistente Social de Mauá (SP). Atuou na Gerência de Proteção Especial de Alta Complexidade na Secretaria de Assistência Social do município.

Suely Medeiros
Assistente Social de Parnamirim (RN). Atuou na Política de Saúde.

Telma Amaro
Assistente social de Guajará-Mirim (RO). Aposentada, era conselheira do CRESS-RO (gestão 2020-2023). 

Telma Correia dos Santos
Assistente Social de Redenção (PA). Trabalhava no Hospital Regional Público (HRPA) de Redenção. 

Thaciara Jaiana de Paula Limeira
Assistente Social de Nova Olinda do Norte (AM). Atuou na Secretaria Secretaria Municipal de Saúde de Nova Olinda do Norte.

Therezinha de Jesus Bayma Valle
Assistente Social de Manaus (AM). Aposentada, foi fundadora da Apae-Manaus. Dedicou-se a fundar novos núcleos da Apae em outros municípios do estado, como Tefé, Careiro, Manacapuru, Autazes e Rio Preto da Eva.

Vera Lúcia dos Santos Normando
Assistente Social de Manaus (AM). Era vice-presidente do Sindicato de Assistentes Sociais do Estado do Amazonas (Saseam).


Viviane Ribeiro Fontes
Assistente social em Uberaba (MG). Atuava no CRAS Tutunas e integrava o Fórum Municipal dos Trabalhadores do SUAS (FMTSUAS).

Zilta Nogueira
Assistente Social de Maceió (AL). Foi professora de Serviço Social da UFAL.

Caso conheça algum/a assistente social vítima do coronavírus que não esteja neste memorial, informe-nos enviando um e-mail com o nome completo do/a profissional, local de trabalho, cidade, estado e data do falecimento.

comunicacao@cfess.org.br
EXPEDIENTE

Pelo CFESS
Elizabeth Borges, Emilly Tenorio e Lylia Rojas

Pela ABEPSS
Andrea Pacheco de Mesquita, Cleonilda Sabaini
Thomazine Dallago e Esther Luíza de Souza
Lemos